Governo publica reajuste de benefícios do INSS

Governo publica reajuste de benefícios do INSS

Pagamentos foram reajustados em 6,15%, com piso de R$ 678, equivalente ao salário mínimo, e teto de R$ 4.517,05

Os ministérios da Previdência Social e da Fazenda publicaram nesta quarta-feira, 9, no Diário Oficial da União (DOU) portaria que reajusta os benefícios pagos pelo Instituto Nacional do Seguro Social (INSS). O reajuste, de 6,15%, entrou em vigor em 1º de janeiro (veja a tabela abaixo).

A partir dessa data, o salário de benefício e o salário de contribuição não poderão ser inferiores ao novo valor do salário mínimo, de R$ 678, nem superiores a R$ 4.517,05.

O reajuste do salário mínimo atinge 20 milhões de benefícios e representa impacto de R$ 10,7 bilhões nos valores pagos pelo INSS em 2013. Já os 9,2 milhões de benefícios acima do piso previdenciário representarão impacto de R$ 9,1 bilhões.

O governo também estabeleceu as novas alíquotas de contribuição do INSS dos segurados empregados, domésticos e trabalhadores avulsos.

As alíquotas são de 8% para aqueles que ganham até R$ 1.247,11; 9% entre R$ 1.247,12 e R$ 2.078,52; e de 11% entre R$ 2.078,53 e R$ 4.157,05. Essas alíquotas – relativas aos salários pagos em janeiro – deverão ser recolhidas apenas em fevereiro.

Data de início do benefício (2012)  Reajuste (%)
 Até janeiro  6,15
 Fevereiro  5,61
 Março  5,20
 Abril  5,01
 Maio  4,34
 Junho  3,77
 Julho  3,50
 Agosto  3,06
 Setembro  2,59
 Outubro  1,95
 Novembro  1,23
 Dezembro  

 

Envie sua mensagem:

Nome:

Email:

Mensagem: