Operação Lei Seca autua 563 motoristas alcoolizados neste Carnaval

PAULO-VITOR7

A Operação Lei Seca realizou neste carnaval 79 ações na capital, Região Metropolitana e interior do estado. Este ano, mais de 6.800 motoristas foram abordados entre os dias 5 e 9 de fevereiro, nas ações diurnas e noturnas. Do total de abordagens, 563 motoristas apresentavam sinais de embriaguez, o que representa 8,2% do número total. Também foram aplicadas 1.745 multas, 229 veículos foram rebocados e 528 carteiras de habilitações foram recolhidas neste período.

Em 2015, 5.600 motoristas foram abordados pelas Operações da Lei Seca no carnaval. Deste total, 441 tinham sinais de alcoolemia (7,9%). No ano anterior este número foi ainda maior. Foram abordados, em 2014, 5.878 motoristas, e detectada alcoolemia em 9,3% deles, ou seja, 545 motoristas tinham bebido antes de dirigir.

As ações educativas também foram intensificadas neste carnaval. Foram realizadas 34 ações com a abordagem a 5.850 pessoas. Os agentes distribuíram 150 mil ventarolas nos principais blocos de rua e na Sapucaí.

– Atuamos nas saídas das praias e cachoeiras em todo o estado e também nos blocos com maior concentração de pessoas. Tivemos agentes fantasiados de balão da Lei Seca que interagiram com foliões dos blocos, levando a importante mensagem de nunca dirigir, depois de beber – contou o coordenador da Lei Seca, coronel Marco Andrade.

A Operação Lei Seca é uma campanha educativa e de fiscalização, de caráter permanente, lançada em março de 2009, pela Secretaria de Estado de Governo do Rio de Janeiro. Desde que foi criada, a operação já interceptou mais de 150 mil motoristas alcoolizados, por meio do teste do bafômetro.

A Operação Verão com blitzes diurnas da Lei Seca, nas saídas das praias e cachoeiras de todo o estado continuarão até o final do mês de fevereiro.

Envie sua mensagem:

Nome:

Email:

Mensagem: